Comunicamos que:

Neste Blog, trataremos de política local e nacional, esportes, saúde,educação e habitação, problemas sociais e vários outros temas de interesse relevantes.

quinta-feira, 16 de março de 2017

Vereadores de Altaneira aprovam Moção contra PEC da Previdência

Publicado por Junior Carvalho As quinta-feira, 16 de março de 2017  | Sem Comentarios


Na sessão ordinária de ontem (15/03), a pedido do Sindicato do Sinsema, os vereadores apresentaram Moção nº 01/2017 que  repudia  PEC 287 da reforma da previdência social.


Os vereadores se manifestaram sobre a manifestações contra Reforma da Previdência: " sou a favor da manifestação, mas disse que infelizmente estão aproveitando para resgatar a figura do ex-presidente Lula que não tem muito haver com o movimento, pois sabemos que é um dos que devem pagar, pois foi um dos maus gestores que também tem sua culpa" Comentou Zuleide Ferreira 

Devaldo Nogueira rebateu o comentário da vereadora Zuleide: " não iria nem falar, mas diante desses comentários, me sinto na obrigação de falar, estamos pagando por um governo golpista, Temer é um golpista, essa turma querem fazer apenas suas vontades, sou a favor das manifestações, dizer que o ex-presidente Lula foi um mau administrador, é de uma falta de consciência, Lula foi o melhor presidente para o brasil e principalmente para os nordestino". 

"O ex-presidente Lula foi quem deu direito pobre ter sua renda com dignidade, que fez as maiores reformas que o país já viu, foi um presidente da década". Afirmou Flavio Correia

"Essa PEC vem apenas sacrificar os trabalhadores do nosso país, esse governo golpista vem de forma covarde tirar direito do trabalhador, querem falar do grande governo do Lula, quando sabemos que Lula fez um grande governo em prol do povo trabalhador" comentou Antonio Leite 

A moção foi aprovada por unanimidade.

Confira na integra Moção contra PEC da Previdência:


A Câmara Municipal de Altaneira vem a público repudiar veementemente a Proposta de Emenda Constitucional (PEC 287), apresentada pelo presidente Michel Temer. A PEC altera regras referentes aos benefícios da Previdência e da Assistência Social para prejudicar o(a) trabalhador(a) brasileiro(a).

A reforma proposta promove, na verdade, o desmonte da Seguridade Social, especialmente dos regimes de Previdências Públicas (Regime Geral da Previdência Social e Regimes Próprios de Previdência Social), que passarão a não garantir condições de aposentadoria para a maioria da classe trabalhadora.

Apoiada em um postulado neoliberal e antipopular, a PEC 287 estabelece a idade mínima para aposentadoria em 65 anos, para homens e mulheres, prejudicando especialmente as mulheres e categorias como professores e trabalhadores rurais.

A PEC também estabelece o período mínimo de 25 anos de contribuição e modifica a forma de cálculo de todas as aposentadorias, promovendo uma real redução dos valores a serem pagos. Para ter direito à aposentadoria integral, os(as) trabalhadores(as) terão de contribuir durante 49 anos.

Para o povo trabalhador, o aumento no tempo de contribuição será desastroso. As mulheres serão ainda mais prejudicadas. Ao igualar a idade de homens e mulheres para obter o benefício, o governo brasileiro ignora as condições reais que diferenciam os sexos na sociedade contemporânea. 

Se implantadas, as novas regras previdenciárias obrigarão grande parte dos trabalhadores e trabalhadoras a buscar alternativas na iniciativa privada, reforçando a ideia de um Estado Mínimo e privilegiando o poder do capital.

Esse é o grande objetivo da reforma em curso, pois, com o congelamento dos investimentos sociais por 20 anos e a diminuição da conta da previdência, o governo ilegítimo garante o superávit necessário para remunerar o rentismo financeiro do capital especulativo, aumentando a concentração de renda e privilegiando o capital que fomentou a mudança de poder político no Brasil, com impeachment. 



Não queremos um país de miseráveis! Queremos vida digna para o(a) trabalhador(a) em atividade e para o(a) aposentado(a). Por tudo isso, pedimos a retirada definitiva da PEC 287 da pauta do Congresso Nacional e solicitamos a abertura de um debate nacional sobre a Previdência Social, para que qualquer alteração neste setor consiga atender as demandas da classe trabalhadora, que é o público afetado diretamente por esta política pública.


Confira mais informações no blog da Câmara

Arquivado Em :
Sobre o autor

Escreva a descrição de administração aqui ..

0 comentários:

    Se você gostaria de receber nossas atualizações via RSS e-mail, basta digitar seu endereço de e-mail abaixo.

© 2013 A Pedreira. Traduzido Por: Template Para Blogspot. WP Theme-junkie converted by BloggerTheme9
Blogger template. Proudly Powered by Blogger.
back to top