Comunicamos que:

Neste Blog, trataremos de política local e nacional, esportes, saúde,educação e habitação, problemas sociais e vários outros temas de interesse relevantes.

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

Dilma vence duelo contra Cunha: Picciani segue Líder do PMDB na Câmara

Publicado por Junior Carvalho As quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016  | Sem Comentarios


O deputado Leonardo Picciani, do Rio de Janeiro, foi reconduzido ontem (17) à liderança do PMDB na Câmara dos Deputados.
O parlamentar de 36 anos era o candidato alinhado ao Planalto e concorria contra Hugo Motta, oponente apoiado pelo presidente da Casa, Eduardo Cunha. Foram 37 votos para Picciani, 30 para Motta e duas abstenções.
O objetivo do líder nesse “novo mandato” é tentar diminuir a rachadura que o PMDB apresenta na Câmara para levar apoio às propostas de ajuste fiscal da presidente Dilma Rousseff
Picciani passou a assumir um caráter pró-governo em julho quando houve a cisão entre Dilma e Cunha, ato que desgradou parte da bancada na Câmara. De lá para cá, tornou-se o homem do Planalto na Casa.
Sua eleição, portanto, é uma vitória para Dilma. Além de ajudar a articular as propostas governistas no plenário, com Picciani, Dilma deve contar com uma lista favorável do partido para a formação da Comissão Especial que analisa seu pedido de impeachment.
Eleito pela primeira vez em 2002, com 22 anos, Picciani já foi presidente da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) em 2007 e relator da CPI da Pirataria, em 2003. Só saiu da câmara para três períodos como Secretário de Estado de Habitação do Rio de Janeiro.
Natural de Nilópolis, é formado em Direito pela UCAM, filho de Jorge Picciani e irmão de Rafael Picciani, ambos deputados estaduais pelo Rio.
A eleição para a liderança do PMDB na Câmara teve contornos inéditos. Hugo Motta (PB), candidato apoiado por Eduardo Cunha, recebeu um reforço de outro partido, o Solidariedade.
A legenda dirigida pelo deputado Paulo Pereira da Silva (SP) financiou um trio elétrico e um grupo com dez pessoas fantasiadas de mosquito Aedes aegypti para uma manifestação antes e durante a votação para a escolha do líder do PMDB contra a reeleição de Leonardo Picciani (RJ).
Do lado de fora da Câmara, próximo à sala onde a bancada do PMDB se reuniu nesta tarde, um trio elétrico tocava uma música especialmente composta para acusar Picciani de apoiar o governo da presidente Dilma Rousseff.
O veículo trazia uma faixa com fotos de Picciani beijando a presidente Dilma no rosto, com canções ofensivas contra o peemedebista. O trio foi contratado pelo Solidariedade.





















Via Pragmatismo Politico

Arquivado Em :
Sobre o autor

Escreva a descrição de administração aqui ..

0 comentários:

    Se você gostaria de receber nossas atualizações via RSS e-mail, basta digitar seu endereço de e-mail abaixo.

© 2013 A Pedreira. Traduzido Por: Template Para Blogspot. WP Theme-junkie converted by BloggerTheme9
Blogger template. Proudly Powered by Blogger.
back to top