Comunicamos que:

Neste Blog, trataremos de política local e nacional, esportes, saúde,educação e habitação, problemas sociais e vários outros temas de interesse relevantes.

quinta-feira, 9 de julho de 2015

O 3º tempo da partida Dilma x Aécio

Publicado por Junior Carvalho As quinta-feira, 9 de julho de 2015  | Sem Comentarios



A oposição reagiu à declaração da presidente Dilma Rousseff de que não “pegou um tostão” de dinheiro sujo e que não teme o debate sobre sua saída antecipada da presidência da República.
No auge da pior crise de seus quatro anos e meio de governo, Dilma desafiou, em entrevista à Folha de S. Paulo, os que defendem sua saída prematura do Palácio do Planalto a tentar tirá-la da cadeira e a provar que ela algum dia “pegou um tostão” de dinheiro sujo. 
“Eu não vou cair. Eu não vou, eu não vou. Isso aí é moleza, é luta política”. Apesar do cerco político que parece se fechar a cada dia, Dilma chamou os opositores para a briga. “Não tem base para eu cair, e venha tentar. Se tem uma coisa que não tenho medo é disso”. Com dedo indicador direito erguido, foi mais enfática: “Não me atemorizam”. 
Os parlamentares classificaram as declarações da presidente como uma demonstração de “prepotência” e de “postura imperial”. Em nota, o presidente do PSDB, senador Aécio Neves (MG), argumentou que o PT adota esse discurso para “inibir” a atuação de instituições - TCU (Tribunal de Contas da União) e TSE (Tribunal Superior Eleitoral) analisam contas do governo e da campanha petista, o que, na visão de opositores, pode resultar no fim antecipado do mandato de Dilma.
“Na verdade, o discurso golpista é o do PT, que não reconhece os instrumentos de fiscalização e de representação da sociedade em uma democracia”, afirma a nota.
“Para o PT, se o TSE investiga ilegalidades na prestação de contas das campanhas eleitorais da presidente da República, trata-se de golpe. Tudo o que contraria o PT, e os interesses do PT, é golpe!”, ironizou o tucano.
“Jogo espúrio”
Na Câmara, deputados da oposição também criticaram a postura da presidente. Para o líder do PSDB na Casa, Carlos Sampaio (SP), a fala de Dilma mostra que ela aceita o “jogo espúrio da troca de cargos, da compra de favores”. Segundo ele, a presidente desconsiderou a importância institucional dos órgãos de controle ao dizer “eu não vou cair”.
“Mais do que uma prepotência, isso é uma desconsideração para com os órgãos de controle do País. Quem pode rejeitar as contas dela é o TCU. Quando ela diz isso, ela passa por cima de um órgão fiscalizador. Ela desconsidera que isso independe da sua vontade”, disse.
O líder do DEM na Câmara, deputado Mendonça Filho (PE), afirma que Dilma deveria abandonar o “discurso de bravata” e “serenar os ânimos”. Líder da legenda no Senado, Ronaldo Caiado (GO) argumenta que Dilma está “escrevendo o script” de quem está deixando o poder. “É o discurso do ‘eu me garanto’, ‘não me intimidam’, ‘estou acostumada com isso’”, disse ele.
Caiado negou atitude golpista de partidos da oposição e ponderou que “as regras estão sendo seguidas à risca”, em referência às pedaladas fiscais, em análise pelo TCU, e sobre suposto crime na campanha que reelegeu a presidente, em estudo pelo TSE. “Ela é imune a tudo? É uma postura imperial, não é uma postura republicana”, afirmou.
Nova eleição
Uma nova eleição deve ser realizada caso a Justiça Eleitoral determine a perda de mandato de prefeito, governador ou presidente. Atualmente, o 2º colocado na disputa pode assumir o cargo caso o vencedor não tenha atingido 50% dos votos válidos em determinado pleito. A medida foi aprovada ontem em comissão do Senado sobre a reforma política -num momento em que o fim antecipado do mandato de Dilma é defendido pela oposição.
Segundo o texto, a regra vale a partir do momento em que a decisão da Justiça tiver transitado em julgado (em caráter definitivo, sem possibilidade de mais recursos). A mudança vale a partir das eleições de 2016. A proposta precisa ser votada em plenário do Senado, para então seguir para a Câmara dos Deputados.




Via O Povo

Arquivado Em :
Sobre o autor

Escreva a descrição de administração aqui ..

0 comentários:

    Se você gostaria de receber nossas atualizações via RSS e-mail, basta digitar seu endereço de e-mail abaixo.

© 2013 A Pedreira. Traduzido Por: Template Para Blogspot. WP Theme-junkie converted by BloggerTheme9
Blogger template. Proudly Powered by Blogger.
back to top