Comunicamos que:

Neste Blog, trataremos de política local e nacional, esportes, saúde,educação e habitação, problemas sociais e vários outros temas de interesse relevantes.

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Eunício entra na agenda do ex-presidente Lula

Publicado por Junior Carvalho As quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015  | Sem Comentarios


O líder do PMDB no Senado, Eunício Oliveira, entra, na próxima semana,  na agenda do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para discutir as ações de fortalecimento das relações entre o Palácio do Planalto e o Congresso Nacional. Após conversar com a presidente Dilma, Lula quer ajudá-la na articulação política – um dos pontos mais criticados pelos aliados do Governo. Dilma e Lula voltarão a se encontrar, na próxima semana, em Brasília.
O encontro com o líder do PMDB faz parte de uma série de articulações definidas pelo ex-presidente Lula que passa, também, por reuniões com os presidentes do Senado, Renan Calheiros (PMDB), e da Câmara Federal, Eduardo Cunha (PMDB). Ex-ministro das Comunicações no Governo Lula, Eunício sempre manteve um bom diálogo com o ex-presidente e, no ano passado, neutralizou, a vinda da presidente Dilma para  o palanque do adversário Camilo Santana (PT) na disputa ao Governo do Estado.
O diálogo, na opinião do ex-presidente Lula, é o caminho para retomada da boa convivência do Governo com a base aliada. O clima ainda tem animosidade após a derrota do PT na disputa pela Presidência da Câmara Federal.
As reuniões entre Lula e líderes de bancadas e dirigentes partidários terão discussões e leituras sobre o momento político enfrentado pelo Governo Dilma, os desdobramentos da Operação Lava Jato e as investigações do escândalo da Petrobras por uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) no Congresso Nacional.
As investigações no campo político geram preocupação entre os aliados do Governo porque deixaram o PT e a presidente Dilma Rousseff expostos no noticiário durante o ano de 2015. Hoje, o Governo sofre com a Operação Lava Jato e, a cada dia, surgem fatos que provocam desgastes para a administração federal, o PT e a Petrobras. A estratégia, na conversa com os líderes partidários, é criar uma agenda positiva como contraponto ao escândalo da Petrobras.
O Palácio do Planalto, na avaliação do ex-presidente Lula, precisa agir rápido para evitar que a fratura na base aliada se aprofunde e a tese do impeachment ganhe força, no rastro do escândalo de corrupção na Petrobrás. Lula quer que Dilma retome as viagens pelo País o mais rápido possível. As agendas começaram a ser desenhadas, mas ainda não foram fechadas.
Na opinião do ex-presidente Lula, Dilma deveria aproveitar seus discursos, nessas viagens, para explicar à população a importância dos projetos econômicos e até das Medidas Provisórias. Sugeriu, ainda, nas conversas com interlocutores, que a presidente deve usar uma linguagem didática, com exemplos da vida do dia a dia, mostrando por que os critérios atuais de concessão dos benefícios trabalhistas, por exemplo, precisam ser mudados.















Via Ceará Agora

Arquivado Em :
Sobre o autor

Escreva a descrição de administração aqui ..

0 comentários:

    Se você gostaria de receber nossas atualizações via RSS e-mail, basta digitar seu endereço de e-mail abaixo.

© 2013 A Pedreira. Traduzido Por: Template Para Blogspot. WP Theme-junkie converted by BloggerTheme9
Blogger template. Proudly Powered by Blogger.
back to top