Comunicamos que:

Neste Blog, trataremos de política local e nacional, esportes, saúde,educação e habitação, problemas sociais e vários outros temas de interesse relevantes.

sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

Eleições nas Câmaras do Cariri

Publicado por Junior Carvalho As sexta-feira, 5 de dezembro de 2014  | Sem Comentarios


Em toda região do Cariri as Câmara Municipais vivem uma grande expectativa sobre os resultados da eleição que escolherá suas novas mesas diretoras para o biênio 2015-2016. Claro que, em alguns casos, o resultado já está definido e a nova formação deve dar um tom nas discussões entre o Executivo e o Legislativo. Isso, porque o debate entre os poderes, geralmente, depende da boa relação entre o prefeito e os vereadores. É inegável que quando o prefeito tem uma base de apoio composta pela maioria dos parlamentares a conversa fica bem mais fácil. O problema, para alguns prefeitos, é quando eles perdem essa maioria e, consequentemente, a facilidade de diálogo com o legislativo. No Cariri essa já é a realidade de alguns Municípios e, com certeza, algumas derrotas devem influenciar na próxima eleição municipal.

Oposição no poder

Entre os prefeitos que terão seus diálogos mais difíceis com a Câmara, se destacam os municípios de Caririaçu, Nova Olinda e Tarrafas. Nessas Câmaras a oposição já ganhou a eleição e deve comandar os debates nos próximos dois anos. Já anunciado nesta coluna, em Caririaçu, o líder da oposição Rosivan Leite venceu o pleito e fez a nova mesa. Em Nova Olinda a eleição só ratificou o que já se esperava: a oposição continua com o comando da Casa Legislativa. Em Nova Olinda prevaleceu os nomes dos vereadores Ivanildo Gomes (presidente) e Socorro Matos (vice). Outra derrota marcante foi em Tarrafas. Lá a chapa apoiada pela prefeita Girleuda Alcântara perdeu a eleição. Em Tarrafas, formarão a nova mesa os vereadores Antônio Alves (presidente) e Mauro Bantin (vice). Nestes casos, a situação é critica para os prefeitos.

Araripe na mesma expectativa

Entre os Municípios que nutrem a mesma expectativa de mudar o rumo das discussões o destaque fica para a Câmara de Araripe. Nos bastidores é dado como “favas contadas” a maioria da oposição comandada pelo ex-candidato a prefeito Giovane Guedes. A eleição que acontece no próximo dia 19 deste mês, deve eleger os vereadores Damião Senhor (presidente) e Roberto Guedes (vice). O detalhe é que, na eleição, pode estar em jogo o comando do município. O atual prefeito Humberto Germano, afastado por abuso de poder, voltou à administração por uma decisão monocrática e pode ser julgado pelo TSE a qualquer momento. No caso do TSE ratificar o afastamento deve assumir o presidente da Câmara em exercício, já que, o vice-prefeito também foi beneficiado e sai junto com Germano. A disputa promete!

Jardim é uma incógnita

Dentro dessa corrida eleitoral para as novas mesas diretoras existem, ainda, aqueles casos em que a disputa está em curso e pode tanto ratificar uma posição ou mudar o rumo do comando. O mais esperado é o caso de Jardim, onde a oposição levou uma virada com a mudança de lado da petista Donizete Coutinho. Segundo informações de bastidores existe um acordo para a base da prefeita Analeda Luz lavar a petista a presidência. Donizete terá o compromisso de estreitar a relação com o executivo. Nesse caso, o problema é o vereador Cosmo da Cruz, aliado histórico da prefeita e que garante que não vota na petista. Apesar da posição de Cosmo, a oposição não acredita que o vereador mude de lado. Ele tenta convencer a oposição a votar em seu nome. Até agora ele não conseguiu. A eleição acontece no próximo dia 15. É esperar!

Missão Velha sob controle

No Município de Missão Velha a combinação “Executivo e Legislativo de mãos dadas” vai continuar por mais dois anos. A eleição que aconteceu no dia 27 de novembro e manteve no comando da mesa os vereadores Cícero Cagece (presidente) e Edenia Tavares (vice), teve como detalhe a falta de disputa. A oposição, sequer, lançou chapa. Na sessão, três dos vereadores oposicionistas faltaram e outros três votaram em branco. Nos bastidores, a informação é que o grupo oposicionista não chegou ao consenso do nome a ser indicado e, por isso, resolveram não participar. Faltou uma boa conversa entre os vereadores de oposição para, pelo menos, envolver um debate que confrontasse a atual gestão da Câmara. Na verdade, em Missão Velha, a oposição demonstrou uma grande fragilidade política.

Outros no mesmo caminho

Quem caminha na mesma direção para ratificar os comandos das Casas Legislativas são os Municípios de Farias Brito, Santana do Cariri e Altaneira. Apesar da boa discussão entre oposição e situação nestes Municípios deve prevalecer a força da base de apoio aos atuais prefeitos. Em Altaneira, mesmo com a discussão levantada pelos vereadores Edezyo Jalled (situação) e Professor Adeilton (oposição), a expectativa é que a base prevaleça no próximo dia 9.

Em Santana do Cariri, apesar do desgaste da prefeita Daniele Abreu, devem ser reeleitos os vereadores Arclebio (presidente) e Vicente (vice) no próximo dia 18. No mesmo rumo, a Câmara de Farias Brito deve seguir a orientação do prefeito Vandevelder e eleger o vereador Chico da Betânia como presidente. Nesses municípios deve prevalecer a força dos prefeitos.

Enquanto isso...

... Ainda sobre eleições nas Câmaras, em Mauriti a boa relação entre Executivo e Legislativo deve permanecer por mais dois anos. No Município existem apenas três vereadores de oposição (Evânia, Victor e Sergio Tavares) que, sequer, registraram chama para concorrer ao pleito.

... A eleição da Câmara de Mauriti acontece no dia 12 deste mês e deve eleger para a presidência o vereador Cícero Coité, tendo como vice Mano Morais (atual presidente). O Município de Mauriti tem uma das relações entre os poderes, Legislativo e Executivo, mais tranquilas da região do Cariri.

... Outro Município já com a situação definida é Milagres. Lá prevaleceu, também, a força da base de situação. A eleição que teve apenas uma chapa aconteceu no dia 26 de novembro, onde foi eleito presidente o vereador Ubelardo Santos. O vice é o vereador Beto Mitrado.

... O detalhe na eleição de Milagres é que a base de oposição, além de não registrar chapa, acabou não comparecendo a sessão. A eleição foi tão tranquila que até o prefeito Hellosman Sampaio e a vice-prefeita Normélia Sisnando compareceram a Câmara para acompanhar a sessão.



















Via Madson Vagner

Arquivado Em :
Sobre o autor

Escreva a descrição de administração aqui ..

0 comentários:

    Se você gostaria de receber nossas atualizações via RSS e-mail, basta digitar seu endereço de e-mail abaixo.

© 2013 A Pedreira. Traduzido Por: Template Para Blogspot. WP Theme-junkie converted by BloggerTheme9
Blogger template. Proudly Powered by Blogger.
back to top