Comunicamos que:

Neste Blog, trataremos de política local e nacional, esportes, saúde,educação e habitação, problemas sociais e vários outros temas de interesse relevantes.

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Psol-CE tem oito pré-candidatos ao Governo do Estado

Publicado por Junior Carvalho As terça-feira, 28 de janeiro de 2014  | Sem Comentarios



Após reunião do Diretório Estadual neste fim de semana, oito filiados se apresentaram como pré-candidatos ao Governo do Estado pelo Psol. Entre eles o ex-presidente estadual do partido, Renato Roseno, o vereador João Alfredo e a militante Soraya Tupinambá, que já foi candidata ao Palácio da Abolição em 2010. A definição, porém, só deve sair entre o fim de maio e o início de junho, quando se realizam as convenções partidárias.Também se dispuseram a concorrer a ativista de movimentos sociais Adelita Monteiro; o professor e Ambientalista Alexandre Costa; o chefe de gabinete de João Alfredo, Moésio Mota; o integrante do sindicato dos trabalhadores rurais de Quixadá Eronilton Buriti; e o sindicalista ligado aos bancários Ailton Lopes.


Dentre estes, Adelita é tida como “independente”, por não estar diretamente integrada a nenhum grupo interno do partido. Os demais nomes são mais próximos ao grupo de Roseno e João Alfredo. A vereadora Toinha Rocha, que lidera outra corrente, já declarou apoio à Adelita e defende que Roseno e Alfredo sejam candidatos a deputado estadual. Toinha também colocou seu nome como pré-candidata a deputada federal.


A vereadora aposta que, de acordo com o cenário atual, é provável que sejam necessárias eleições prévias para definir as postulações. “Mas isso não significa um racha no partido”, pondera.


A presidente estadual do Psol, Cecília Feitoza, afirma que outros pré-candidatos poderão aparecer, uma vez que o prazo acordado para inscrições vai até 27 de fevereiro. Após essa data, explica, serão realizadas várias conferências pelo Estado, a fim de debater as pré-candidaturas e definir as estratégias do partido para a eleição.


“A gente vai construir um processo que escute a base do partido. O fundamental é que seja uma candidatura que represente a ampla maioria partidária”, diz Cecília, que por enquanto não declarou apoio a nenhum dos pré-candidatos.


A tendência é que PCB e PSTU integram a chapa do Psol na eleição, sendo que uma das duas siglas deve indicar o candidato a vice-governador.


Discordância
O Diretório também decidiu não reconhecer a précandidatura à presidência do senador Randolfe Rodrigues (Psol-AC). “Nosso diretório deliberou que não reconhece como fechada a candidatura, porque o processo foi marcado por fraudes”, explica Cecília. Randolfe foi escolhido em dezembro na eleição interna do partido. Roseno também era pré-candidato à presidência e fez duras críticas à forma como Randolfe foi escolhido. Ele defende que outros processos até junho possam anular a atual decisão.

Via Miséria

Arquivado Em :
Sobre o autor

Escreva a descrição de administração aqui ..

0 comentários:

    Se você gostaria de receber nossas atualizações via RSS e-mail, basta digitar seu endereço de e-mail abaixo.

© 2013 A Pedreira. Traduzido Por: Template Para Blogspot. WP Theme-junkie converted by BloggerTheme9
Blogger template. Proudly Powered by Blogger.
back to top