Comunicamos que:

Neste Blog, trataremos de política local e nacional, esportes, saúde,educação e habitação, problemas sociais e vários outros temas de interesse relevantes.

sexta-feira, 23 de junho de 2017

thumbnail

Camilo Santana defende nome de Lula para presidente em 2018

Postado Por Junior Carvalho  | Sem Comentarios


O governador do Estado do Ceará, Camilo Santana (PT), disse na noite de ontem (22/06), durante a cerimônia de posse do comando do Partido dos Trabalhadores no Ceará, que Luiz Inácio Lula da Silva é o "grande nome para disputar a presidente da República em 2018".
"Amanhã estarei com o ex-presidente Lula em São Paulo. Vamos dialogar. O momento agora é importante para a esquerda deste país. A esquerda precisa se unir para combater a direita em 2018. Eu não tenho dúvida que o nome do companheiro Lula, que fez história nesse país, é o grande nome para ser candidato a presidente da República pelo PT e pela esquerda", afirmou chefe do executivo estadual.
Em fevereiro deste ano, Camilo Santana disse em entrevista ao O POVO que o momento político era propício para Ciro Gomes (PDT). "Precisamos dialogar e vamos construir os caminhos. O que está em jogo é o futuro do povo brasileiro", finalizou.



Via O Povo
Mais informações »

thumbnail

Promotoria pede cassação do prefeito e vice de Assaré

Postado Por Junior Carvalho  | Sem Comentarios


A promotora eleitoral de Assaré, Vandice Maria Frota Azevedo, deu parecer favorável à ação de cassação da chapa do prefeito e da vice do município, Evanderto Almeida (PSD) e Maria É (PDT), de autoria da coligação “Juntos somos mais fortes”, do segundo colocado na disputa Samuel Freire (PT).
O processo alega que o gestor cometeu abuso de poder econômico e propaganda eleitoral antecipada. Além da cassação, a ação também pede a inelegibilidade de ambos por oito anos. Caso seja aceita pelo juiz da 18ª zona, que responde por Assaré, o prefeito e a vice ainda podem recorrer e permanecer no cargo até a conclusão do processo.
Segundo a ação do MPE, o prefeito teria confeccionado mil calendários com sua foto e a seguinte frase: “Desejo aos nossos munícipes um Feliz Natal e um Ano Novo repleto de realizações. Continuamos na luta por um Assaré melhor”.
A distribuição do brinde aconteceu nas festas de fim de ano de 2015, antes do início da campanha eleitoral em 2016, “supostamente fazendo alusão a candidatura do requerido no ano seguinte”, diz o texto.










Via O Povo com a colaboração de Amaury Alencar
Mais informações »

quinta-feira, 22 de junho de 2017

thumbnail

Dois ministros votam contra revisão da delação da JBS

Postado Por Junior Carvalho  | Sem Comentarios


O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), votou ontem (21) contra a revisão dos termos do acordo de delação premiada da JBS. Com o voto do ministro, que também é contra a mudança de relator, o placar da votação está em 2 votos a favor da manutenção do acordo. Após o voto de Moraes, a sessão foi suspensa e será retomada hoje.

Moraes acompanhou o voto do relator, Edson Fachin. Para o ministro, na fase de homologação, cabe ao Judiciário verificar somente a legalidade do acordo, sem interferência nos benefícios da delação e nas declarações dos investigados ao Ministério Público.

Na sessão de hoje, devem votar os ministros Luís Roberto Barroso, Rosa Weber, Luiz Fux, Dias Toffoli, Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski, Marco Aurélio, Celso de Mello e a presidente, Cármen Lúcia.

O julgamento foi motivado por uma questão de ordem apresentada pelo ministro Edson Fachin, relator dos processos que tiveram origem nas delações da empresa. Os questionamentos sobre a legalidade dos acordos da JBS foram levantados pela defesa do governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, um dos citados nos depoimentos dos executivos da empresa. A defesa contesta a remessa do processo a Fachin, além dos benefícios concedidos ao empresário Joesley Batista, um dos donos da JBS.

Em depoimento à Procuradoria-Geral da República (PGR), o empresário explicou como funcionava o esquema de pagamento de propina a políticos e confirmou que foram repassados recentemente cerca de R$ 500 milhões a agentes públicos.








Via Agencia Brasil
Mais informações »

quarta-feira, 21 de junho de 2017

thumbnail

TV Alvorada afiliada rede Globo registra visita dos motociclistas de Altaneira à Floriano-PI

Postado Por Junior Carvalho  | Sem Comentarios



A TV Alvorada, afiliada da rede Globo em Floriano-PI veiculou no seu noticiário noturno da última segunda-feira (19/06) reportagem sobre a visita dos motociclistas do Cobras Moto Clube de Altaneira à região Sul do Piauí.

A reportagem se encontra na pagina oficial do grupo  Cobras MC de Altaneira. Clique aqui e confira na integra












Via Blog de Altaneira
Mais informações »

thumbnail

Fachin retira de Moro processos sobre Lula e Odebrecht

Postado Por Junior Carvalho  | Sem Comentarios


O ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal, tirou do juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, três casos contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva que tiveram origem nas delações premiadas de executivos e ex-funcionários da Odebrecht. Um diz respeito ao suposto tráfico de influência do ex-presidente, que em troca de vantagens indevidas teria atuado em favor da empresa em negociações referentes a Angola, mesmo que em prejuízo do BNDES.
Fachin determinou a remessa das provas referentes a esse caso para a Justiça Federal do Distrito Federal, por se tratarem “de fatos que supostamente se passaram na capital da República”, escreveu o ministro no despacho nessa terça-feira. Outro caso trata da suposta atuação de Lula e também da ex-presidente Dilma Rousseff em favor da liberação de recursos do BNDES para a construção das Usinas Hidrelétricas de Jirau e de Santo Antônio, ambas em Rondônia.
Eles também teriam agido para acelerar licenças ambientais. A investigação foi remetida por Fachin também ao Distrito Federal. Um terceiro caso trata do suposto pagamento de uma mesada pela Odebrecht a José Ferreira da Silva, o Frei Chico, líder sindical e irmão de Lula. Fachin determinou que a investigação sobre o assunto seja remetida à Justiça Federal de São Paulo, também a pedido da defesa de Lula.



Via Ceará Agora
Mais informações »

terça-feira, 20 de junho de 2017

thumbnail

Oposição derrota Temer, e reforma trabalhista empaca no Senado

Postado Por Junior Carvalho  | Sem Comentarios


De forma surpreendente, o relatório do projeto de "reforma" trabalhista (PLC 38) foi rejeitado no início da da tarde de hoje (20) na Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado. Foram 10 votos contrários e nove favoráveis ao parecer de Ricardo Ferraço (PSDB-ES). A oposição comemorou com gritos de "Fora Temer". O resultado contraria os planos do governo, que contava com a aprovação hoje e, na sequência, na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) – o líder do governo, Romero Jucá (PMDB-RR), previa que o texto estaria pronto para ir a plenário a partir do próximo dia 28.
Logo depois da rejeição inesperada, foi aprovado simbolicamente o voto em separado de Paulo Paim (PT-RS), contrário ao projeto do governo. Durante toda a sessão da CAS, o parlamentar gaúcho apelou para um entendimento em outras bases, criticando o "desespero" de aprovar um texto sem qualquer emenda.
"Qualquer pessoa séria, ao ler aquele projeto, acha aquilo inaceitável. Vamos pegar os votos em separado, os quatro da oposição e o (texto) do relator, vamos sentar e ver o que é possível construir. É possível construir um grande entendimento, aí o projeto volta para a Câmara e ela ratifica ou não. Isso é bom senso, o razoável, ninguém está dizendo que não é para fazer reforma nenhuma, nós tiraríamos todos os absurdos", acrescentou Paim.

Mais uma vez, o relator, Ricardo Ferraço (PSDB-ES), ignorou mais de 200 emendas, número próximo ao da CAE, e manteve na íntegra o texto aprovado na Câmara, ainda como PL 6.787. Fez apenas "recomendações" de vetos presidenciais, no que ele chama de "acordo institucional", mas que muitos de seus pares têm desconfiança quanto ao cumprimento. Sindicalistas e parlamentares tentam negociar com o governo a edição de uma medida provisória com pontos específicos.

Ferraço insistiu no discurso de que o projeto corrige "distorções estruturais" do mercado de trabalho e ajudará incorporar excluídos. "O que está por trás desse projeto é a redução do custo do trabalho", contestou o líder do PT, Lindbergh Farias (PT-RJ). "A economia não vai reagir com essas medidas."

Para Humberto Costa (PT-PE), o Estado deve ter um papel de equilíbrio nas relações trabalhistas, "e esse projeto tende totalmente para o empresariado". Randolfe Rodrigues (Rede-AP) afirmou que se tratava de uma proposta defendida por um presidente da República "prestes a ser denunciado", referindo-se a Michel Temer. "Em qualquer democracia chinfrim, o governo já teria caído."

"Nós vamos recuperar o país", disse Romero Jucá, minutos antes da votação. "A motivação aqui é derrubar o governo", acrescentou. Confiante na aprovação na CAS e na CCJ, ele chegou a dizer que o PLC 38 estaria no dia 28 com o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), para que ele pusesse em pauta quando achasse melhor.
Na semana passada, quatro senadores da oposição apresentaram votos em separado. Eles protestaram contra o fato de, ao não incluir nenhum emenda, o Senado abrir mão do papel de Casa revisora. "Não pode vir um projeto que altera a CLT em 117 artigos aqui para a Casa e a gente só carimbar, sabendo que a Câmara cometeu absurdos", criticou Paim.

















Via rede Brasil Atual


Mais informações »

thumbnail

Rodrigo Maia assume presidência com viagem de Temer

Postado Por Junior Carvalho  | Sem Comentarios


O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), assumiu ontem (19), interinamente, a presidência da República com a viagem iniciada pelo presidente Michel Temer à Rússia e a Noruega. Temer embarcou nesta tarde e ficará fora do país até a próxima sexta-feira (23).

Nos dias 20 e 21 Temer tem compromissos na Rússia e nos dias 22 e 23 cumpre agenda na Noruega.

Na Rússia, além do encontro com o presidente da Rússia, Vladimir Putin, Temer manterá reuniões com o primeiro-ministro Dmitry Medvedev e participará de reunião com investidores russos. Em Moscou, está prevista também a assinatura de instrumentos bilaterais em temas como promoção de comércio e investimentos, intercâmbio cultural e consultas políticas.

Em Oslo, capital da Noruega, Temer vai se encontrar com o Rei Harald V e com a primeira-ministra Erna Solberg, além de se reunir com investidores noruegueses. Temer enfatizará o engajamento brasileiro no cumprimento do Acordo de Paris e ressaltará o significado que o Brasil atribui à participação da Noruega no Fundo Amazônia.






Via Agencia Brasil
Mais informações »

    Se você gostaria de receber nossas atualizações via RSS e-mail, basta digitar seu endereço de e-mail abaixo.

© 2013 A Pedreira. Traduzido Por: Template Para Blogspot. WP Theme-junkie converted by BloggerTheme9
Blogger template. Proudly Powered by Blogger.
back to top